top of page

Definidos os semifinalistas em quatro categorias no segundo dia do Hang Loose Surf Attack 2023


Kailani Reno / Foto Erik Medalha


Muito show de surf no segundo dia de competição no Hang Loose Surf Attack 2023. O evento que define os campeões paulistas nas categorias de base começou na quinta-feira (5/10) e nesta sexta-feira (6/10) definiu os atletas que seguem nas disputas pelos títulos em oito categorias. Às quartas de final e semis do masculino e feminino acontecem neste sábado (7/10), a partir das 8h, com transmissão ao vivo.

Nesta edição, uma equipe peruana está em intercâmbio pela segunda vez consecutiva no Brasil para competirem no Hang Loose Surf Attack e para o Tour Mananger da SPSurf, Marcos Bukão, este convívio entre culturas diferente, além da esportiva é muito importante para todos os atletas, sejam eles gringos ou brasileiros.

"O intercâmbio esportivo desempenha um papel fundamental no desenvolvimento de atletas, proporcionando uma oportunidade única de competir com adversários eventualmente mais qualificados. Quando atletas têm a chance de enfrentar competidores de alto nível, são desafiados a elevar o seu jogo e aprimorar suas habilidades, ensinando lições valiosas sobre resiliência, determinação e trabalho em equipe. Além disso, o intercâmbio esportivo promove a diversidade cultural, permitindo que atletas conheçam e aprendam com diferentes estilos de treinamento e abordagens esportivas de todo o mundo. Este convívio, além disso, não deixa de ser um treinamento para futuras competições internacionais", explicou.

Quem conhece bem o mar de Itamambuca é o bertioguense Daniel Duarte. Experiência que fez a diferença para seguir na competição. Nos segundos finais do heat quatro da segunda fase da categoria Sub 18, Duarte surpreendeu seus adversários ao saltar da terceira posição para a liderança e garantir sua vaga nas semifinais. Com isso, ele continua na briga pelo título e nas semifinais vai tentar uma vaga na final, competindo contra os ubatubenses Pedro Henrique e Kailani Renno e John Muller, do Guarujá, no heat dois.

A outra semifinal do heat um da Sub 18 será entre os praiagrandenses Lukas Camargo e Israel Braga, o peruano Alejandro Bernales e o peruibense Pedro Ferreira.

No masculino Sub 16, o dono da maior nota do primeiro dia (8.50), o guarujaense Bryan Almeida, está nas semifinais junto com Pedro Ferreira, de Peruíbe, e Daniel Duarte, de Bertioga, eles se enfrentam no heat um. Já os ubatubenses Eduardo Mulford e Kailani Renno, e o praiagrandense Lukas Camargo se enfrentam no heat dois.

Entre as meninas do Sub 18, Sol Carrion e Giovanna Donato, de São Sebastião, e a peruana Catalina Zariqueiy já estão confirmadas nas semifinais e se enfrentarão no heat um. Para o heat dois, as ubatubenses Gabriela Cury e Aurora Ribeiro, além da sebastianense Mayara Zampieri. Todas disputam vagas para a grande final.

Na Sub 16 Feminino, para o heat um, conquistaram vagas nas semifinais a peruana Sofia Artieda e as ubatubenses Luiza Savoi, Aurora Ribeiro e Maeva Guastalla. Para o heat dois estão na disputa de uma vaga na grande final a peruana Catalina Zariqueiy, as sebastianenses Luana Reis e Mayara Zampieir, e a bertioguense Thayla Vitória.

Esses foram os atletas que garantiram suas vagas nas semifinais que acontecem neste sábado, terceiro dia de competições, desta última etapa do Hang Loose Surf Attack. As demais categorias desta última etapa do Hang Loose Surf Attack 2023 ainda estão nas quartas de final e serão definidas neste sábado, terceiro dia de disputas.


Copa São Paulo - Neste ano o Litoral Atacadista vai apresentar a Copa São Paulo Keahana de Surf e a cidade que for anunciada campeã levará mil reais em dinheiro em premiação e os atletas da equipe vencedora blocos de pranchas. A cidade de Praia Grande está na liderança, seguida por Ubatuba, São Sebastião, Guarujá, Bertioga, Santos, Caraguatatuba, São Vicente, Grande São Paulo, Itanhaém, Ilha Comprida, Mongaguá e Peruíbe. Neste evento paralelo também vai ocorrer uma bateria especial envolvendo os presidentes das quatro cidades que farão as finais da Copa São Paulo e uma tag team entre a equipe peruana com a seleção paulista de surf. Premiação - Ao final do circuito, os atletas de São Paulo, que forem anunciados campeões do ranking Estadual de Categorias de Base 2023, da Sub 18 (masculino e feminino), vão receber, cada um, uma Scooter Elétrica modelo Joy 500 Watts, zeradas oferecidas pela Soul Electric Praia Grande. Todos os pódios do 1º ao 4º lugares, de todas as categorias, recebem premiação em dinheiro, parafinas Manga Wax, blocos de prancha, leashes, entre outros brindes. A etapa também reserva R $1.000,00, dividido, entre os vencedores para o Manga Wax Air Show e Manga Wax Best Trick- melhor Manobra Feminino - (R$500 cada). Ação ambiental - durante o evento ocorre ação de conscientização ambiental realizada pelo grupo Tamoio de Ubatuba. Eles atuam na recolha de resíduos produzidos durante a realização do campeonato e fazem conversas com o público presente sobre a preservação do verde e praias de Ubatuba.


A terceira e última etapa do Hang Loose Surf Attack 2023 é apresentada pela Soul Electric e Garytos e realizada pela Federação de Surf do Estado de São Paulo (SPSurf). Conta com os apoios da Sthill, Special Boards, Power Balance, Blocos de Pranchas Keahana, Manga Wax, Sun Tech Grip System, ProLite, Coco & Cia, Pura Vida Chalés, Wenbley Inn Hotel, Restaurante Peixe com Banan, Tamoio Ubatuba, The One, Nuty Açaí, Odara Alfajores, Janjão Bordados, Sea Curling, Litoral Atacadistas, Ymage Impressão Digital. Colaboração: Prefeitura Municipal de Ubatuba, CRS Comunicação e AUS (Associação Ubatuba de Surf).


18 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page